Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular

Publicações

Notícias e artigos sobre saúde, bem-estar, tratamentos cardiovasculares e medicina preventiva

TAVI Aórtica e vazamento periprotético.

TAVI Aórtica e vazamento periprotético.

Prótese TAVI (Implante Transcateter de Válvula Aórtica) para o tratamento da Estenose Aórtica Calcificada.

Uma das principais preocupações no planejamento do implante de uma Prótese TAVI (Implante Transcateter de Válvula Aórtica) para o tratamento da Estenose Aórtica Calcificada é a má abertura da prótese e o surgimento de vazamento periprotético (PVL = perivalvar leak).

 

Os vazamentos periprotéticos ocorrem por fora da prótese da Aorta para o Ventrículo, e estão diretamente relacionados com a duração da Prótese TAVI, à sobrevida do paciente e à necessidade de reoperações.

 

Pacientes com Válvula Aórtica muito calcificada ou Válvula Aórtica Bicúspide estão mais sujeitos a essa complicação. A escolha de uma prótese pequena (menor do que a ideal) também aumenta o risco.

 

Os vazamentos periprotéticos podem ser diagnosticados no intra-operatório da TAVI, através dos exames de Aortografia ou Ecocardiografia Transesofágica, realizados durante o procedimento.

 

Vazamentos periprotéticos moderados ou acentuados devem ser resolvidos no mesmo tempo cirúrgico com dilatações adicionais da prótese. Vazamentos leves ou discretos podem ser apenas seguidos.

 

As novas próteses TAVI vem agora com uma saia do tecido PET (Polietileno Tereftalato), que promove uma vedação melhor no anel aórtico e diminuem a incidência dessa complicação, aumentando o sucesso do procedimento.

 

Consulte sempre um cirurgião cardiovascular.

"O conteúdo disponível neste website tem caráter estritamente educativo e informativo. Seus artigos, matérias e notícias visam fornecer informações que possam auxiliar no esclarecimento de dúvidas em relação às medidas preventivas para saúde, exames diagnósticos, tratamentos e a problemas diversos relacionados com a saúde. Não é finalidade deste website, representando o médico Dr. Rodrigo Pereira Paez, a análise, comentário ou emissão de qualquer tipo de diagnóstico. Os conteúdos aqui apresentados não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, psicólogos e nutricionistas ou outros especialistas. Consulte sempre o seu médico. As imagens fotográficas das publicações, artigos, matérias ou notícias são meramente ilustrativas."

Rodrigo Paez

Rodrigo Paez

Formado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) - Escola Paulista de Medicina e especialista em Cirurgia Cardíaca, Cardiovascular, Endovascular e Marcapassos. Adepto da cirurgia cardíaca minimamente invasiva é pesquisador do estudo multicêntrico Bypass, que reune os melhores centros de cirurgia cardíaca do Brasil.

  • Compartilhe este post