Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular

Publicações

Notícias e artigos sobre saúde, bem-estar, tratamentos cardiovasculares e medicina preventiva

Quais os cuidados que as pessoas com baixa imunidade devem ter?

Quais os cuidados que as pessoas com baixa imunidade devem ter?

Alimentação saudável.

Quando aparece algum novo vírus ou um surto de uma doença que ameaça a saúde pública como um todo, um grupo em especial merece atenção redobrada. É aquele composto por indivíduos com maior risco imunológico, como idosos, pessoas com doenças crônicas não transmissíveis (diabetes e hipertensão, por exemplo), recém-operados ou em tratamento quimioterápico, com problemas respiratórios e qualquer outro tipo de imunodeficiência. Além de manter uma alimentação saudável, essas pessoas precisam também ficar atentas a outras formas de manter as defesas de seu organismo fortalecidas.

 

• Procure ter boa qualidade de sono: evite se expor à luz de telas antes de dormir, tome um banho morno antes de se recolher, vá para a cama mais cedo com luz baixa.

 

• Evite fazer dietas restritivas. Procure sempre um profissional para ajudá-lo no processo e indicar a melhor estratégia nutricional de forma individualizada.

 

• Sempre que possível, exponha-se à luz solar, uma medida importante para manter a vitamina D em dia no seu organismo.

 

• Maneje o estresse imprescindivelmente: meditação, exercício físico bem orientado e atividades que promovem o relaxamento são estratégias importantes para preservar a saúde física e mental.

 

• Hidrate-se. Se você não tem esse hábito, tente ir aumentando de forma gradativa a quantidade de água consumida por dia. Pense na melhor estratégia que funciona para fazer isso, desde colocar lembretes e despertador para tomar 1 copo de água a cada hora do dia até andar com sua garrafinha sempre junto.

 

• Sorria mais. Procure separar ao menos dez minutinhos do dia para fazer uma atividade prazerosa.

 

• Faça escolhas alimentares que reduzam os danos, como trocar o frito pelo assado, o industrializado pelo in natura, o refrigerante pelo suco, o excesso de sal adicionado por temperos naturais, etc.

 

• Coma mais comida caseira, resgate o fazer em casa e insira esse hábito na família. Esse pode se tornar um momento de compartilhar seu dia com quem você ama e ser terapêutico também.

 

 

Fonte: Hospital Israelita Albert Einstein. "E-book: alimentação e imunidade". Autorizado e publicado sob licença CC BY-ND 3.0 BR.

"O conteúdo disponível neste website tem caráter estritamente educativo e informativo. Seus artigos, matérias e notícias visam fornecer informações que possam auxiliar no esclarecimento de dúvidas em relação às medidas preventivas para saúde, exames diagnósticos, tratamentos e a problemas diversos relacionados com a saúde. Não é finalidade deste website, representando o médico Dr. Rodrigo Pereira Paez, a análise, comentário ou emissão de qualquer tipo de diagnóstico. Os conteúdos aqui apresentados não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, psicólogos e nutricionistas ou outros especialistas. Consulte sempre o seu médico. As imagens fotográficas das publicações, artigos, matérias ou notícias são meramente ilustrativas."

Rodrigo Paez

Rodrigo Paez

Formado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) - Escola Paulista de Medicina e especialista em Cirurgia Cardíaca, Cardiovascular, Endovascular e Marcapassos. Adepto da cirurgia cardíaca minimamente invasiva é pesquisador do estudo multicêntrico Bypass, que reune os melhores centros de cirurgia cardíaca do Brasil.

  • Compartilhe este post