Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular

Publicações

Notícias e artigos sobre saúde, bem-estar, tratamentos cardiovasculares e medicina preventiva
Fundação Pró-Sangue necessita de doação com urgência.

Fundação Pró-Sangue necessita de doação com urgência.

Fundação necessita aumentar seus estoques, essenciais para tratamentos e cirurgias.

A Fundação Pró-Sangue, vinculada à Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, está com o estoque muito baixo e precisa urgentemente de doadores. Por conta da pandemia do Covid 19, a doação de sangue registrou forte queda nas últimas semanas.

 

Atualmente o estoque opera com apenas 40% das bolsas necessárias para dar atendimento a mais de 100 instituições de saúde da rede pública. Os sangues do tipo O+, O-, A-, AB – e B- estão em estado de crítico, garantindo o abastecimento para apenas um dia.

 

Não bastasse a queda da coleta, a Pró-Sangue tem registrado um índice de 30% de absenteísmo no serviço de agendamento online. Muitos candidatos reservam um horário para doar, mas faltam no dia. Isso traz um forte impacto na coleta, uma vez que atualmente a doação está sendo feito pelo sistema de agendamento online.

 

A Fundação está muito preocupada com a situação, pois as cirurgias eletivas foram retomadas e a demanda de sangue irá aumentar daqui em diante.

 

Pedimos apoio à população para que vistam suas máscaras, agendem sua doação online e doem sangue ainda essa semana! A doação de sangue continua sendo segura e os postos de coleta não oferecem riscos aos candidatos.

 

SERVIÇO

 

Para doar sangue basta estar em boas condições de saúde e alimentado, ter entre 16 e 69 anos (para menores de idade, consultar site da Pró-Sangue), pesar mais de 50 kg e levar documento de identidade original com foto recente, que permita a identificação do candidato.

 

Recomenda-se também evitar alimentos gordurosos nas 4 horas que antecedem à doação e, no caso de bebidas alcoólicas, 12 horas antes. Se a pessoa estiver com gripe ou resfriado, não deve doar temporariamente. Mesmo que tenha se recuperado, deve aguardar uma semana para que esteja novamente apta à doação. Vale lembrar que o coronavírus foi incluído nos critérios de triagem e pode trazer alguns impedimentos para as pessoas que viajaram para o exterior ou tiveram algum contato com a doença (no site da Pró-Sangue é possível se informar das condições para doação em relação a essa infecção).

 

No mais, outros impedimentos poderão ser identificados durante a entrevista de triagem, no dia da doação. Para tanto, basta acessar o site da Pró-Sangue e consultar os pré-requisitos básicos para doar. Como dica, a sugestão é doar durante a semana, de segunda a sexta, pois o tempo de espera no atendimento é menor.

 

Vale lembrar que é bom evitar alimentos gordurosos nas 4 horas que antecedem a doação e, no caso de bebidas alcoólicas, 12 horas antes. Se a pessoa estiver com gripe ou resfriado, não deve doar temporariamente” explica o diretor-presidente da Fundação, Prof. Dr. Vanderson Rocha.

 

Outros impedimentos poderão ser identificados durante a entrevista de triagem, no dia da doação (clique aqui). Como dica, a sugestão é doar durante a semana, de segunda a sexta, pois o tempo de espera no atendimento é menor.

 

É muito importante que as pessoas que chegam para doar sangue estejam cientes dos impedimentos temporários e definitivos”, complementa a médica hometerapeuta da Fundação Pró-Sangue, Sandra Esposti.

 

 

Para horário de funcionamento dos postos de coleta acesse www.prosangue.sp.gov.br ou ligue para o Alô Pró-Sangue (11 4573-7800).

 

 

Fonte: Portal do Governo do Estado de São Paulo - SP Saúde. "Pró-Sangue pede doação para aumentar estoques, essenciais para tratamentos e cirurgias".

"O conteúdo disponível neste website tem caráter estritamente educativo e informativo. Seus artigos, matérias e notícias visam fornecer informações que possam auxiliar no esclarecimento de dúvidas em relação às medidas preventivas para saúde, exames diagnósticos, tratamentos e a problemas diversos relacionados com a saúde. Não é finalidade deste website, representando o médico Dr. Rodrigo Pereira Paez, a análise, comentário ou emissão de qualquer tipo de diagnóstico. Os conteúdos aqui apresentados não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, psicólogos e nutricionistas ou outros especialistas. Consulte sempre o seu médico. As imagens fotográficas das publicações, artigos, matérias ou notícias são meramente ilustrativas."

Rodrigo Paez
Rodrigo Paez

Formado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) - Escola Paulista de Medicina e especialista em Cirurgia Cardíaca, Cardiovascular, Endovascular e Marcapassos. Adepto da cirurgia cardíaca minimamente invasiva é pesquisador do estudo multicêntrico Bypass, que reune os melhores centros de cirurgia cardíaca do Brasil.

  • Compartilhe este post