Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular

Publicações

Notícias e artigos sobre saúde, bem-estar, tratamentos cardiovasculares e medicina preventiva
Saiba como identificar a Má Circulação.
Saiba como identificar a Má Circulação.

A Má Circulação do sangue é uma ocorrência comum, podendo ser causada por inúmeros problemas e condições.

A má circulação é caracterizada pela dificuldade do sangue passar pelas veias ou artérias, gerando sintomas como pés inchados, dor nas pernas, mãos frias e varizes nas pernas.

 

A má circulação do sangue é uma situação comum, especialmente em indivíduos com excesso de peso ou em mulheres que tomam a pílula anticoncepcional.

 

Alguns casos de má circulação podem ser hereditários e se manifestar constantemente, porém em alguns indivíduos pode surgir devido a outras causas, como passar muito tempo de pé, cruzar as pernas ou o envelhecimento do corpo.

 

Sintomas de má circulação

 

Os sintomas da má circulação do sangue incluem:

 

    • Pés e mãos frias;

    • Inchaço das pernas e pés;

    • Dor e cansaço nas pernas;

    • Pele seca e escamosa;

    • Sensação de formigamento nas pernas;

    • Varizes.

 

Para reduzir estes sintomas os pacientes podem elevar as pernas, com almofadas, no final do dia ou dormir com as pernas mais altas que o corpo.

 

O que fazer para má circulação

 

O que se pode fazer para má circulação é:

 

    • Praticar atividade física regularmente;

    • Usar meias de compressão elásticas;

    • Não ficar muito tempo sentado ou de pé;

    • Diminuir a quantidade de sal na comida;

    • Estar dentro da faixa de peso ideal.

 

Além destas dicas os indivíduos devem evitar o acúmulo de gordura e verificar anualmente os níveis de colesterol no sangue, pois o colesterol alto prejudica a circulação.

 

No caso da mulher, também é importante manter acompanhamento com o ginecologista, principalmente durante o uso da pílula anticoncepcional.

 

Má circulação na gravidez

 

A má circulação na gravidez é uma situação frequente, porque, durante este período, o organismo da mulher produz mais líquidos para manter a irrigação da placenta, o que dificulta o trabalho das veias.

 

Além disso, existe produção de relaxina, um hormônio que provoca a dilatação das veias, dificultando o retorno do sangue ao coração.

 

Assim, para evitar a má circulação, as grávidas devem descansar várias vezes durante o dia, utilizar meias de compressão elásticas e fazer massagens nas pernas.

 

 

Fonte: Tua Saúde. "Como identificar e tratar a Má Circulação". Autorizado sob licença CC BY-ND 3.0 BR.

"O conteúdo disponível neste website tem caráter estritamente educativo e informativo. Seus artigos, matérias e notícias visam fornecer informações que possam auxiliar no esclarecimento de dúvidas em relação às medidas preventivas para saúde, exames diagnósticos, tratamentos e a problemas diversos relacionados com a saúde. Não é finalidade deste website, representando o médico Dr. Rodrigo Pereira Paez, a análise, comentário ou emissão de qualquer tipo de diagnóstico. Os conteúdos aqui apresentados não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, psicólogos e nutricionistas ou outros especialistas. Consulte sempre o seu médico. As imagens fotográficas das publicações, artigos, matérias ou notícias são meramente ilustrativas."

Rodrigo Paez
Rodrigo Paez

Formado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) - Escola Paulista de Medicina e especialista em Cirurgia Cardíaca, Cardiovascular, Endovascular e Marcapassos. Adepto da cirurgia cardíaca minimamente invasiva é pesquisador do estudo multicêntrico Bypass, que reune os melhores centros de cirurgia cardíaca do Brasil.

  • Compartilhe este post